Projeto traz fotografia, psicologia e maternidade como temas de investigação fotográfica

eu-Madonna

Depois de experimentar os encantos da fotografia analógica, Ana Sabiá que mora em Florianópolis e é formada em Artes, despertou seu interesse pela fotografia em 2004 quando fez um curso no MAM em São Paulo e comprou sua primeira câmera. Partindo daí, iniciaram suas experimentações, questionamentos, descobertas e prazeres que a fotografia pode lhe trazer.

Criadora da série fotográfica chamada “Madonnas Contemporâneas” que trouxe como temática a maternidade nas interfaces da psicologia social, esse projeto que começou em 2012 como investigação fotográfica autoral e em seguida deu origem a pesquisa acadêmica de mestrado em psicologia social, na Universidade Federal de Santa Catarina.

Logo que soube que seria mãe, Ana conta que iniciou o projeto fazendo autorretratos da sua gestação, e nesse momento várias ideias surgiram e foi onde ela resolveu convidar outras mulheres para participar dessa investigação fotográfica. As mulheres escolhidas foram algumas das que ela conheceu durante o período que participava do Grupo de Gestantes e Casais Grávidos, promovido pelo Hospital Universitário da UFSC.

Os retratos das mães juntas de seus filhos foram feitas nas casas de cada uma das nove mulheres selecionadas para o projeto, e todas contem um elemento comum: um varal de roupas. Foram pendurados objetos selecionados por cada mulher, que servem como signos de comunicação a respeito de suas experiências maternas. Destaca-se a importância deste cenário onde os objetos escolhidos serviam também para estabelecer e visibilizar a comunicação entre sujeito e objeto.

A intenção de Ana com essas imagens é propor possibilidades visuais que gerem algumas reflexões, como a possibilidade de relacionar a fotografia como linguagem e suas potencialidades discursivas, tratando da imagem fotográfica enquanto possibilidades artísticas.

Fonte: http://photos.com.br/fotografia-psicologia-e-maternidade/

email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *