Aula Prática de Fotografia na Fazenda Ipanema

SÍTIO HISTÓRICO DA FAZENDA IPANEMA

Fazenda Ipanema

Fazenda Ipanema

O Grupo Imagem Núcleo de Fotografia e Vídeo de Sorocaba, terá aula prática de fotografia no Sítio Histórico Fazenda Ipanema, monitorado pelo fotógrafo Edeson Souza  com assistência de Edvania Moreira e Carlos Maritano.
 
Quando: 04/09/2016 – Domingo
Local de encontro: 9h na Lanchonete da Fazenda
 
Ingresso na Fazenda: R$ 7,00 por pessoa
 
Baixe e preencha o Termo de Compromisso FOTOGRAFIA
 

 As atividades de visitação realizadas na Flona de Ipanema têm nos fatos históricos seu principal eixo temático, e normalmente são associadas às visitas aos monumentos do Sítio Histórico.

Devido à localização e apelo visual, o Sítio Histórico, mesmo que não seja percorrido em toda a sua extensão, e nem mesmo seja a motivação original do visitante, é uma área de visitação obrigatória durante sua permanência na UC.
O Sítio Histórico da Floresta Nacional de Ipanema reúne construções de diversos períodos da história da siderurgia brasileira. As construções datam de 1811 (quando da construção dos fornos de Hedberg) a 1913 (período de atuação do engenheiro Elias Marcondes Homem de Mello – fornos de carvão, tipo “colmeia”).

As delimitações atuais do Sítio Histórico dentro da Zona de Uso Público incluem os seguintes monumentos/edificações:

  • Alto Forno Mursa
  • Altos Fornos Geminados
  • Antiga Sede Administrativa
  • Casa da Guarda
  • Casa das Armas Brancas
  • Cruz de Ferro
  • Depósito de Arreios
  • Fornos de Carvão
  • Ponte Articulada
  • Relógio de Sol
  • Represa Hedberg
  • Oficina de Modelagem
  • Engenho de Serrar
  • Cemitério Protestante.

Vale ressaltar que o Cemitério Protestante não se localiza próximo ao conjunto descrito, seu acesso é feito via uma das Zonas de Recuperação, que divide a Zona de Uso Público, distante aproximadamente 1,5 Km do conjunto principal do Sítio Histórico.

Temporariamente o restaurante da Flona não está funcionando.

A Flona de Ipanema possui dois portões de acesso, nos quais o visitante é instruído a se dirigir diretamente ao Centro de Visitantes, antes do início do passeio.

O Centro de Visitantes oferece estacionamento para veículos, acesso a sanitários masculino e feminino, sanitários para portadores de necessidades especiais, fraldário, bebedouro de água filtrada e área de descanso.

A Flona possui cinco quiosques cobertos na Área de Lazer. Os quiosques possuem mesa para lanches e torneira. O uso dos quiosques é livre e não é possível a reserva dos mesmos. Nos quiosques não há churrasqueiras e não é permitido utilizar churrasqueiras portáteis.

O acesso e a circulação entre os monumentos são feitos por via pavimentada ou por áreas gramadas. Há áreas de estacionamento no Centro de Visitantes e próximo à Casa das Armas Brancas.

Para o atendimento das necessidades dos visitantes, o Sítio Histórico conta com sanitários masculino e feminino, instalados na Antiga Sede Administrativa e na Área de Lazer, próximo aos quiosques.

Fazenda Ipanema

Fazenda Ipanema

ORIENTAÇÕES

Nas seguintes datas, do ano de 2013, a Flona de Ipanema estará fechada à visitação:

  • 13 de junho (feriado municipal)
  • 9 de julho (feriado estadual)
  • 7 de outubro (eleições municipais)
  • 20 de novembro (feriado municipal)
  • 24/12/2013 a 06/01/2014 (recesso)

Não é permitido fazer churrasco, pescar e entrar com animais domésticos na Flona de Ipanema.

Assim que entrar na Flona, o visitante deve se dirigir ao Centro de Visitantes para adquirir seu ingresso e assinar o Termo de Reconhecimento de Riscos.

As duas trilhas atualmente em uso e o Monumento a Varnhagen são áreas de visitação condicionadas ao acompanhamento de condutores de visitantes. O serviço de condução é contratado pelo visitante, por trilha, diretamente com os condutores, independentemente do valor recolhido pelo ingresso a UC.

NORMAS DE VISITAÇÃO

O ordenamento e o controle das atividades de uso público na Flona de Ipanema são realizados em conformidade com o estabelecido em seu Plano de Manejo.

A Floresta Nacional de Ipanema funciona de terça a domingo, das 08:00 às 16:00 (com saída até 17:00) para visitas espontâneas e de terça a sábado, no mesmo horário, para visitas de grupos, escolas e universidades pré-agendados.

O funcionamento ou fechamento em feriados e pontos facultativos serão autorizados especificamente pelo chefe da unidade. No caso de solicitações especiais para realização de passeios e atividades em outros horários, a decisão caberá à chefia da Flona que emitirá autorização prévia e específica.

O valor do ingresso e critérios de isenção estão previstos na Portaria MMA nº 366 de 07 de outubro de 2009, atualizada pela Portaria ICMBio nº 135 de 30 de dezembro de 2010.

Ao entrar na unidade, o visitante deve se dirigir imediatamente ao Centro de Visitantes, onde deverá ser paga a taxa de ingressa ou autorizada a isenção. No local, o visitante deve assinar o Termo de Reconhecimento de Riscos e receberá uma pulseira colorida de identificação que deverá usar durante sua permanência na Flona.

A velocidade máxima permitida para veículos no interior da unidade é de 40 Km/h na estrada principal e 20 km/h na Vila de São João de Ipanema.

Os visitantes da Flona deverão assumir integralmente os riscos provenientes de sua conduta, inerentes à prática de atividades esportivas e ao lazer em ambientes naturais, tanto no que se refere à sua própria segurança e integridade física quanto à integridade dos atributos ambientais e/ou infraestrutura existente na unidade.

Os passeios ciclísticos que forem realizados fora das áreas de circulação comuns ao público em geral, deverão ser acompanhados por condutores de visitantes.

  • Não é permitido fazer churrasco, pescar e entrar com animais domésticos;
  • Não é possível a pernoite de visitantes, não há alojamentos;
  • São proibidas no interior da Flona de Ipanema as seguintes atividades;
  • O trânsito e o estacionamento de veículos automotivos em locais não autorizados;
  • O trânsito de veículos movidos à tração animal, exceto quando a serviço da administração da Flona ou excepcionalmente autorizados pelo chefe da unidade;
  • A permanência de animais domésticos soltos;
  • O depósito de lixo fora dos recipientes apropriados (lixeiras);
  • A retirada total ou parcial de qualquer planta ou amostra mineral sem autorização específica para tal;
  • A caça, a pesca, a captura de animais silvestres ou a montagem de artefatos de caça, bem como proporcionar maus-tratos ou alimentação inadequada à fauna local;
  • A introdução de espécies animais ou vegetais, domésticas ou silvestres, nativas ou exóticas, sem a devida autorização, independente da forma de introdução no interior da Flona de Ipanema;
  • A prática de atividades comerciais não autorizadas;
  • A utilização de produtos químicos para banho ou lavagem de objetos em corpos hídricos naturais ou artificiais existentes no interior da Flona, assim como a captação da água para outros fins sem a devida autorização;
  • A realização de eventos nas áreas de uso público sem a devida autorização (festas, encontros religiosos e shows, dentre outros);
  • A utilização de aparelhos sonoros nas áreas de uso público, salvo com autorização expressa da administração da unidade;
  • O ateamento de fogo na vegetação, bem como o uso de fogueiras ou qualquer outra conduta que possa causar incêndio florestal ou em outras formas de vegetação nativa;
  • O acampamento fora das áreas designadas para esse fim, exceto com autorização específica do chefe da unidade;
  • A realização de caminhadas fora das trilhas existentes, exceto com autorização específica do chefe da unidade;
  • A abertura e interligação de atalhos que possam acelerar o processo erosivo das trilhas;
  • A realização de pesquisa científica sem a devida autorização do ICMBio;
  • O uso de imagem da Flona de Ipanema para fins comerciais sem a devida autorização.

 

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

© Edeson Souza

email

1 comentário

  1. Viviane Damares Pimenta Henrique /

    Ainda tem vagas?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *