Pré Caminhada Hércules Florence em Itú

Pré Caminhada Hércules Florence em Itú

Pré Caminhada Hércules Florence em Itú – Dia 9 de Agosto – saída do Espaço Fabrica São Luiz Rua Paula Souza, 492,  Itu, as 9h da Manhã Caminhada é grátis porém necessita de Inscrição. Link goo.gl/VlFOPH Inscreva- se no link acima e também preenchendo e enviado o formulário abaixo. Seu nome e sobrenome (obrigatório) Seu e-mail (obrigatório) Seus telefones (obrigatório) Marca e modelo de sua câmera (obrigatório) Sua Mensagem  QUANDO: 09/08/2015 – Domingo Saida: 8h da Rua Júlio Hanser, 140, Lageado, Sorocaba, SP ( Próximo a rodoviária) Volta: Antes do almoço, por volta das 12h. Porque é dia dos Pais. VALOR R$ 40,00 – Via depósito / transferência bancária depósito bancário – Bradesco – Agência: 0152 – Conta Corrente: 150.366-9 – CPF: 311.241.108-01 Somente o pagamento garante sua reserva.   Monitor: Edeson Souza – Fotógrafo, Videógrafo, professor de fotografia e vídeo, fundador e atual presidente do Grupo Imagem Núcleo de Fotografia e Vídeo de Sorocaba, participou de diversas exposições de fotografias, coletivas e individuais, estudou entre outras na Escola Pan-americana de Artes, SENAC, Focus, Fuji, Kodak, na área da fotografia digital participou de cursos e workshops com os mestres Clicio Barroso, Thales Trigo, Alexandre Keese, André Borges Lopes, Ricardo Pagemaker, Marcos Issa, entre outros. Participa assiduamente do Congresso Brasileiro de Fotografia, Congresso Paulista de Fotografia, Photoshop Conference, Fototech, Confederação Brasileira de Fotografia, feiras e eventos da imagem. Tem ministrado cursos, palestras e workshops no Grupo Imagem, UNIT, FUNDEC, SESC, Oficina Cultural Grande Otelo, escolas e faculdades. Como profissional atua nas áreas de eventos, publicidade, retratos e social.   Mais informações: 15-98114-0891 – 15-3227-2099 – 15-3346-2099 Grupo Imagem Núcleo de Fotografia e Vídeo de Sorocaba Rua Júlio Hanser, 140 – 3º andar – Próximo a rodoviária) – 18030-320 – Sorocaba – SP Rua Hortencio Piaya Martinez, 110 – Jardim Prestes de Barros – 18021-250 – Sorocaba, SP...

3 razões para usar a janela em suas fotografias

3 razões para usar a janela em suas fotografias

  A luz natural vinda de uma janela pode dar um tom mais dramático, emocional, ao seu retrato. Porém, não é apenas para a iluminação que uma janela pode servir. Janelas permitem todo tipo de criatividade na hora da composição de uma fotografia. Uma janela diretamente atrás do seu assunto ou modelo pode gerar uma silhueta, mas não necessariamente precisa ser uma imagem chapada preta ou com poucos detalhes (clique aqui para dicas de como fotografar silhuetas). Através de ideias simples usando janelas podemos fazer para alguns belos retratos com algo extra que um cenário de estúdio ou uma foto ao ar livre não possuiria. Confira três razões para utilizar este item de composição em suas fotos: Suavidade da luz Já sabemos que janela atua como uma fonte de luz natural. Mas, para criar dramaticidade no retrato, podemos suavizar a luz utilizando uma cortina bonita. Além de servir como um difusor, a cortina adiciona um elemento emocional à composição. Enquadramento É possível enquadrar o assunto, como num verdadeiro quadro, usando a janela como moldura. Veja na foto abaixo como ficou interessante a composição relacionando a modelo, assunto principal, com a janela, que traz ainda mais atenção ao assunto. Tanto faz se utilizarmos vários painéis de janela ou uma única janela enorme, a janela imediatamente chama a atenção da visão por seus contornos. Interação A janela é um objeto versátil, que atua tanto como um fundo quando como algo com o qual seu assunto pode interagir. O primeiro plano pode ter variadas coisas acontecendo, como uma sala com vários objetos. Através do reflexo da janela, você pode inserir um segundo plano, que conta outra história, como qual o clima lá fora ou em que tipo de lugar o modelo está. A reflexão da janela pode ser usada de diferentes maneiras, é um objeto aberto à criatividade.                                                                                                                        ...

Bolsa oferece até R$ 15 mil para jovens fotógrafos

Bolsa oferece até R$ 15 mil para jovens fotógrafos

Estudantes de período integral de fotografia e fotógrafos com menos de 24 anos podem concorrer a uma bolsa de até R$ 15 mil. A bolsa Ian Parry busca ajudar jovens fotógrafos documentaristas a realizar um projeto e aumentar sua visibilidade na comunidade internacional de fotografia. As inscrições vão até dia 14 de julho e podem ser feitas no link: www.ianparry.org/apply (em inglês). O prêmio leva o nome do fotógrafo Ian Parry, que morreu em missão na Romênia aos 24 anos de idade. O primeiro lugar recebe £3.500 (R$ 15.680) e uma câmera da Canon. Os demais finalistas levam £500 (R$ 2240) para os segundo colocado. Além disso, a revista Sunday Times Magazine publicará uma seleção de imagens da competição e a Reportage by Getty Images vai adicionar o vencedor ao seu grupo de talentos emergentes. A World Press Photo automaticamente nomeia o vencedor para a Joop Swart Masterclass em Amsterdam. Para mais informações, clique aqui....

Como criar um estúdio para retratos caseiro

Como criar um estúdio para retratos caseiro

Aprenda com essa incrível dica como fazer um estúdio para retratos e ainda criar efeitos de luz nos olhos   O fotógrafo Nick Fancher é o criador desse estúdio para retratos que tem baixo custo de materiais e que pode ser montado em qualquer lugar. Chamado de “Catchlight v-flat” esse pequeno estúdio, permite ainda que sejam criados raios de luz com formas variadas intercambiáveis, ​​como uma ferramenta flexível para o retratista, confira como funciona nesse rápido vídeo abaixo: Para fazer o mesmo você vai precisar além do seu próprio equipamento, câmera e dois flashes speedlight, três folhas grandes de placa preta, um exemplo é o mdf, um rolo de fita branca para as formas que serão refletidas nos olhos, e um rolo de fita preta para ligar as diferentes peças. Este é na verdade projeto v-flat de segunda geração da Nick. O primeiro “não era ideal”, é o que ele disse ao PetaPixel. Para essa invenção o fotógrafo focou na criação de um sistema modular. “A nova configuração consiste na realização de vários painéis com diferentes formas brancas, que vão saltar a luz de vota nos olhos, e que pode ser rapidamente trocado” conta ele....

Curso de Fotografia Básico VIP

Curso de Fotografia Básico VIP

Curso de Fotografia Digital Básico – VIP A palavra “fotografia”, traduzida do grego, significa “Escrita com Luz”. O principal elemento da fotografia é a luz. A luz que reflete na cena cria uma imagem. Além desta noção básica, para se tornar um bom fotógrafo você precisa dominar outras técnicas se quiser que a sua fotografia se destaque. Por meio de aulas teóricas e práticas o curso busca proporcionar ao aluno uma descoberta de sua identidade na hora de fotografar. O aluno será introduzido aos conceitos básicos da fotografia, aprendendo as funções da câmera e suas diversas possibilidades e passará por vários tipos de exercícios com pessoas, objetos e ambientes, aprender e dominar seu equipamento. Através deste curso, o aluno adquirirá conhecimentos para tirar maior proveito de sua câmera fotográfica digital. Para se inscrever e garantir sua vaga, preencha e envie o formulário no final da página. Conteúdo: Básico Noções básicas da História da fotografia Conceitos básicos da Fotografia Funcionamento e uso da câmera Partes da Câmera Corpo Visor Objetivas (Lentes) Diafragma (abertura) Obturador (velocidade) ISO Disparador Sensor Fotômetro Menu Tipos de câmeras DSLR Modos de Fotometria Manual Prioridade de Abertura / Diafragma Prioridade de Velocidade / Obturador Programa Automático Ícones Fotografia Digital Breve histórico da fotografia digital; O que é imagem Digital; Conceito de pixel; Como uma imagem digital é criada; Como funciona às câmeras digitais; Sensor de captura de imagem, CCD / CMOS; Formatos de Sensores, DX, FX; Tipos de câmeras digitais de lente fixa Ultra compacta; Compacta; SLR Média; SLR Grande; Tipos de câmeras digitais de lentes intercambiável Rangefinder Mirrorless; SLR Mirrorless; DSLR Compacta; DSLR Média; DSLR Grande; Velocidade, obturador, diafragma, fotometria, profundidade de campo, programas: automáticos: retrato, paisagem, close-up, foto noturna P, A, AV, S, TV e M; Recursos da câmeras digitais; Objetivas Distância focal Fator de multiplicação; Zoom ótico x digital; Tipo de objetivas; Filtros e Acessórios; ISO – “International Standards Organization”; Modos de exposição: Modo de ajuste que determina a quantidade de luz que forma a imagem. É uma combinação entre os elementos internos, diafragma eobturador; Fotômetro – Modos de medir a luz ambiente; Foco – Manual ou autofoco e modos de foco; WB – Recurso disponível capaz de calibrar o branco em relação às diversas fontes de iluminação, equilibrando...

Página 1 de 412...Última »